PORTIFÓLIOLITERATURA

Projetos de promoção do livro e leitura

5.jpg
STATUS DO PROJETO:

FINALIZADO

Execução em 2017

 
SOBRE O PROJETO:

       O presente projeto realizou a execução de um Ciclo de Leituras – um conjunto de 150 rodas de leitura - cujo repertório contemplou obras para públicos jovem e adulto de diversos perfis. A seleção de obras para compor este repertório de leituras, objetivou traçar um panorama da escrita das mulheres no Brasil do século XX e início do XXI, período fundamental para se compreender a relação e os mecanismos de poder e dominação simbólicos entre os sexos, e como estes se inscrevem na organização social e produção literária do nosso país.

    A prática realizada foi de extrema simplicidade, mas de significativa aceitação por parte da população ainda distante dos livros e da leitura literária: reunir um grupo, apresentar à este uma obra literária por meio da leitura em voz alta e fomentar a discussão da obra em seus aspectos estéticos e subjetivos, a fim de aguçar o olhar destes leitores em potencial e despertar seu espirito crítico e diálogo intersubjetivo.

         O ciclo “Palavra de Mulher” teve inicio no ano de 2012 junto à Fundação Cultural de Curitiba, por iniciativa do ator e mediador de leitura Alisson Freyer. O intuito principal é o de contribuir para a formação de leitores e estreitar os laços da comunidade para com os espaços e momentos de fruição artística.

           Para além desta “função primordial” das ações do projeto, a escolha da temática abordada e do repertório dela resultante cumpre uma outra importante função social, fomentando junto à comunidade discussões acerca das relações entre poder e gênero, fundamentais para a quebra de alguns paradigmas vigentes e nocivos à grande parte da população que segue oprimida por comportamentos e conceitos excludentes, machistas e sexistas.

           A equipe acredita que ao propor à população uma maior intimidade com vida e obra de mulheres de grande representatividade, pode contribuir para a construção de novas concepções acerca das relações estabelecidas (que para muitos, em dados contextos justificam a fetichização do corpo feminino, a violência velada – e não velada – contra a mulher, a ainda presente desigualdade de valor no mercado de trabalho, etc...)

                Este mesmo ciclo de leituras foi realizado na cidade de Curitiba desde meados de 2012, e foi agraciado em Dezembro de 2014 com o "Troféu Viva Leitura" dos Ministérios da Cultura e Educação. E em 2017 foi contemplado pelo Edital 1 PROFICE, sendo realizado 150 rodas de leitura no município de São José dos Pinhais com os mediadores de leitura: Ali Freyer, Juliane Souto e Lígia Quirino.

Mediadores de Leitura: Ali Freyer, Juliane Souto e Lígia Quirino

Diretor de Produção: Rodrigo Hayalla

Assessoria de Imprensa: Vitor Hugo

Registro fotografico: Janaína Micheluzzi

Realização: Movimento Enxame

FICHA TÉCNICA
 
 
FOTOS